A Comunhão Complexa

Métodos, precauções, informação sobre a saúde, e artigos de instrução que beneficiar tanto doadores e vampiros com sugestões sobe como interagir uns com os outros. Este fórum é publico mas apenas os participantes do fórum da Casa dos Sonhadores com acesso ao Círculo Carmesim podem postar.

Moderators: The Madame X, lady_sequanna

A Comunhão Complexa

Postby The Madame X » Wed May 06, 2009 12:12 am

A Comunhão Complexa
por Madame X (c)2009

Qualquer tipo de Comunhão, ou Absorção Energética Interpessoal, seja sanguínea ou não, transmite mais do que simples vitalidade. Dentro dessa energia flui memorias, sonhos, sabedorias, experiencias, medos, traumas, etc... Quando drenamos, absorvemos e processamos energia alheia estamos sujeitos a ter experiencias que podemos desconhecer. Podemos sim nos sentirmos fora de nós, ou falando palavras desconhecidas, que até podemos reconhecer sendo vindas do nosso doador. Por vezes podemos ter visões e sonhos de realidades de não são nossas, mas sim do nosso doador.... e é essencial que saibamos identificar o que é nosso e o que não é. Antes de entrarmos neste mundo temos de nos conhecer bem a nós próprios, e ter um bom sentido de valores pessoais, ética e honra.

Quando falamos de energia, não estamos falando de algo físico. Não falamos em absorver 500 gramas de prâna, nem em 10 minutos de drenagem, nem em 10 metros de distancia. Porque quando falamos do reino energético, esse reino invisível não existe medidas. Não há instrumentos para medir o que podemos fazer. Cada um de nós é que sabe se sentimos diferença. Temos muito campo para experimentação, mas temos de nos desligar das medidas físicas. Quando efectuamos uma drenagem prânica estamos trabalhando com o reino energético... o reino astral, não o físico. O que temos de manter em mente é simplesmente a nossa vontade. Ou é uma absorção superficial ou é uma absorção profunda. Isto não depende de tempo, nem quantidade, nem distancia. Isto é um principio muito importante.

*****

Absorção Visual é o acto de absorver força vital sem contacto físico, simplesmente através duma ligação, ou seja uma ponte, pela linha de visão. Esta pratica de absorção pode ser mais difícil para o principiante mas pode ser desenvolvida depois de varias experiências ao nível físico. Comunhão Visual pode ser algo bem intimo e profundo quando ambos parceiros se olham nos olhos, e onde o doador convida o parceiro vampírico a entrar dentro dele. Esta forma de absorção pode ser acompanhada de uma visualização de um cordão energético ou uma ponte ou túnel que liga o parceiro vampírico ao doador. A este ponto gostaria de relembrar que o respirar tem grande parte na atracção e absorção de prâna. A Absorção Visual pode ser efectuada em grande proximidade ou á distancia, com ou sem contacto directo com os olhos do doador.

Alguns grupos dizem que a absorção visual é sinonima de mau-olhado. Pessoalmente eu não concordo; o mau-olhado ou malocchio também chamado olho gordo é um tipo de maldição que fica ancorada ao individuo durante tempo. A absorção visual feita pelo método vampírico a que nos referimos anteriormente inclui uma desligação total que dura apenas durante o tempo em que o parceiro vampírico mantêm a ponte da linha de visão.

*****

Absorção Empática, Emotiva ou tipo Eros é o acto de absorção de força vital através duma ligação emotiva. Esta pratica pode ser um tipo de comunhão intima e agradável onde uma ligação profunda e emotiva é estabelecida entre o doador e o parceiro vampírico. Este tipo de comunhão é similar á comunhão tântrica, mas aqui não há contacto físico nem necessariamente uma euforia orgástica; e a energia transferida aqui é simplesmente diferente, proveniente da chacra do coração. O parceiro vampírico pode simplesmente absorver energia emocional sem mesmo ser directamente dirigida a ele, ou sem mesmo se envolver. Por exemplo o parceiro vampírico pode estar a observar dois amantes, ou a escutar uma amiga a contar emocionante uma historia de pesados sentimentos ou de paixão. Geralmente este tipo de vampiro é um belo ombro de apoio estando sempre disposto a ouvir as nossas mais tristes e mais felizes historias.

Mas este tipo de Absorção Empática pode também ser algo muito negativo, e é uma pratica infelizmente associada com os vampiros latentes que desconhecem as suas necessidades energéticas, ou aqueles que recusam aceitar as suas naturezas intrínsecas, e por falta de se alimentarem conscientemente, e subsequentemente por falta de vitalidade própria, sem se aperceberem causam pânico, drama, zangas, intrigas, e outras altas emoções em todos os que os rodeiam, para subconscientemente absorverem energia vital. Até por vezes estes vampiros latentes ficam vitimas continuas das mais estanhas situações somente para captar a atenção e a energia daqueles que eventualmente os vêm salvar. Muitos grupos não têm os Vampiros Emocionais em boa estima devido à estigma daqueles que não sabem o que fazem. Os termos Empático e Eros são preferidos.

A meu ver, os piores vampiros são aqueles que drenam inconscientemente. Mas uma vez que comessem a desenvolver uma consciência do que está a acontecer, os vampiros Empáticos podem vir a ser ópticos conselheiros, curandeiros, e os melhores amigos que jamais podemos ter. Pois naqueles momentos de alta emoção nos ajudam a balancear.

*****

Absorção Simpática é o acto de absorver energia vital quando se entra em contacto com um objecto físico, como roupa ou jóias usadas por uma pessoa, um caderno escrito por essa pessoa, arte criada por essa pessoa, uma almofada, ou qualquer objecto que lhe pertencia ou que esteve em contacto físico com ela. O que acontece aqui é simplesmente que o vampiro pode extrair energia vital através dum intermediário físico que retém ligação energética com a pessoa. Aqui, o doador pode oferecer algo intimo ao parceiro vampírico, como uma foto ou peça de vestuário, que pode então efectuar uma absorção simpática mesmo a grande distancia. Esta pratica mais avançada requer um certo tipo de individuo e muitos vampiros nuca podem executar este tipo de ligação. A qualidade de drenagem depende tanto do nível de desenvolvimento do parceiro Vampírico como no grau de ligação entre o doador e o objecto físico. Alguns objectos também retêm energia melhor do que outros.

Outro tipo de Absorção Simpática é quando o parceiro vampírico oferece um objecto processado com a intenção especifica de colher a energia vital do doador e agir como intermediário transferindo esta energia ao parceiro vampírico através duma ligação energética com o vampiro. Neste caso a qualidade de drenagem depende do grau de ligação entre o parceiro vampírico e o objecto físico e a força posta no objecto para colher tal energia. Por exemplo eu faço uma pintura para o meu doador por no quarto e quando preciso posso fazer uma drenagem energética mesmo á distancia.

A meu ver, a Absorção Simpática não é estritamente vampírica mas combina elementos de magia e elementos vampíricos. A magia é em processar ou seja carregar o objecto com essa intenção desejada de colher e transmitir energia vital.

*****

Absorção Temporal é o acto de absorver energia vital mentalmente sem utilizar qualquer ponte. A Absorção Temporal exige uma forte ligação mental entre parceiro vampírico e doador. Aqui a visualização mental e a respiração fazem uma grande parte do processo, pois não há intermediário, nem ponte física, nem visual. Por exemplo parceiros podem estar tanto na mesma casa como a grande distancia e simplesmente combinar a hora de comunhão onde o doador estará aberto ao seu parceiro vampírico. A qualidade de drenagem depende tanto do nível de desenvolvimento do parceiro Vampírico como no grau de ligação entre os dois.

*****

Absorção por Exsulfação (em Inglês Exsulfation) indica o acto de absorção energética vital por meio da respiração, ou seja pelo directo inalar da exalação do doador. Aqui a Comunhão torna-se algo intimo devido a proximidade física que pode ou não incluir contacto físico através de um beijo. Este tipo de drenagem é utilizado em grande parte por xamãs para extrair entes ou afectações energéticas. Este método é um conceito magico, não só vampírico e pode ser utilizado para extrair não só energia vital. O sopro da vida. O sopro é vida. Aqui o acto de absorção pode ou não incluir métodos tântricos ou emotivos, mas é importante uma consciência activa de métodos respiratórios tântricos ou yogicos.

*****

Absorção por BDSM é o acto de absorção energética ou hematófaga por mei de métodos que se podem descrever como Bondage, Dominação, Sadismo ou Masoquismo. O âmbito de BDSM pode ser algo de interesse para alguns de vocês pois nele existem muitos paralelos com o âmbito de Vampirismo. Sociedades de BDSM seguem códigos de segurança e consentimento idênticos aos nossos. Aqui temos um âmbito não só propicio á absorção energética, mas também populados com indivíduos de mente aberta a tais possibilidades. Desde que seja uma troca consensual onde o doador seja informado, qualquer tipo de Comunhão pode ser feita por BDSM incluindo Comunhão Física (seja táctil, tântrica ou sanguínea), Visual, Empática, Simpatizante, Temporal, e por Exsulfação, Quero salientar que Absorção Ambiente também é possível através de BDSM, desde que haja espectadores durante o decorrer da sessão.

Geralmente o parceiro vampírico é o dominante, pois o parceiro dominante tem acesso mais livre ás energias que fluem do doador submisso, mas isto não é regra necessária. O submisso pode também ser o parceiro vampírico onde capta a energia que lhe é direccionada pelo parceiro dominante. Pessoalmente tenho tido boas experiências em encontrar doadores prânicos através de sociedades de BDSM.
Ex Somnius Scientia
Madame X
Matriarch, House of the Dreaming

https://www.facebook.com/madamex.dreaming
User avatar
The Madame X
Member / Matriarch
 
Posts: 7215
Joined: Tue Feb 17, 2004 3:48 pm
Location: Portugal / NJ US

Return to Artigos: Energia, Sangue e Prâna

Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 1 guest

cron